Acesse o GBL Jeans

Esqueci minha senha

Cadastro

Seleção de Idioma

Terça-feira, 22 de Agosto de 2017

Estilo

Redação - 24/11/2016

Vicunha amplia presença na Casa de Criadores

Dos 21 estilistas que desfilaram coleções no evento, 14 usaram tecidos do fabricante.

Se na edição de abril da Casa de Criadores a Vicunha fez parceria com seis estilistas, na 39ª edição, realizada de 7 a 11 de novembro, em São Paulo (SP), o fabricante ampliou os acordos, fornecendo tecidos para 14 marcas, que mostraram os lançamentos para o inverno 2017. Apenas quatro estilistas usaram denim nos modelos apresentados. A maioria preferiu trabalhar com sarja.

A Ocksà, da dupla Igor Bastos e Deisi Witz, usou o brim Andrews para túnicas, calças, parkas, macacões e chemises. Felipe Fanaia preferiu os brins Luca, para camisaria, e Lana Power, em peças de corte amplo e tingimento rosa. Karin Feller continuou a trabalhar com a sarja Ypoá em modelos estruturados, como o top que recebeu efeitos de respingo de tinta.

A marca Ben também aplicou o Luca para camisas e o maquinetado Maranelo foi empregado para roupas femininas e masculinas. Caroline Funke optou pelas sarjas super stretch Comaneci para alfaiataria e Munich para saias e calças em verde militar. Com aspecto de couro o Cher foi a escolha de Ellias Kaleb para calças cheias de recortes e o brim moletom Spinning foi para a passarela em modelos justos.

O brim resinado Sharon serviu de base de jaquetas, shorts e calças criados por Lui Iarocheski, que ainda usou o brim Vancouver para peças coloridas que pontuaram coleção fortemente focada em tons de cinza. Isaac Silva investiu nas sarjas elastizadas Color Jeans Stretch, em preto, e White Jeans Stretch. Igor Dadona repetiu o Cher, como fizera na edição de abril, e incluiu o brim Kidman para casacos estruturados. Também a marca Cem Freio, do estilista Apolinário, colocou brins de alta elasticidade, para casacos, vestidos e calças de corte oversized, com o Comaneci e o Ska.

Com coleção de seis looks, Rafael Silvério trabalhou os brins Ypoá e Ska Plus, além do denin Stanley, com composição em 100% liocel, observa a Vicunha. Outras três marcas só trabalharam com denim: Diego Fávaro (London, em blusas e calças, e Wendy, para macacão); Ale Brito (Benson e Tasmânia, na forma bruta, sem lavanderia); e Heloísa Faria (Illimani, 100% algodão usado em vestidos, calças e saias, e o Colin Black, para vestidos fluidos).

GALERIA DE FOTOS

Ampliar
  • Foto 1
  • Foto 2
  • Foto 3
  • Foto 4
  • Foto 5
  • Foto 6
  • Foto 7
  • Foto 8
  • Foto 9
  • Foto 10
  • Foto 11
  • Foto 12
  • Foto 13