Acesse o GBL Jeans

Esqueci minha senha

Cadastro

Seleção de Idioma

Segunda-feira, 23 de Outubro de 2017

Gestão

Jussara Maturo - 15/02/2017

Canatiba monta lavanderia piloto

Centro de capacitação do fabricante de denim vai funcionar no parque fabril de Santa Bárbara d’Oeste, com previsão de inauguração no segundo semestre.

Como parte de uma nova estratégia de relacionamento com o mercado, a Canatiba anunciou que vai operar uma lavanderia-piloto, que funcionará como um centro de capacitação para a empresa fazer experimentações com seus artigos e servir de apoio ao desenvolvimento de clientes. As obras civis básicas já foram concluídas, ocupando área dentro do parque industrial do fabricante de denim em Santa Bárbara d’Oeste, interior de São Paulo. Falta esperar a importação de máquinas, entrega de equipamentos, definir e concluir instalações físicas para o funcionamento dessa infraestrutura.

A expectativa é inaugurar a lavanderia no segundo semestre, informa com exclusividade ao GBLjeans, Fábio Covolan, diretor da Canatiba. Quando entrar em operação, a intenção da empresa é promover sessões técnicas sobre lavagens e efeitos no denim de maneira dedicada a empresas de fato interessadas em implantar melhorias em seus processos. “Não faremos mais workshops genéricos e abertos”, diz o executivo.

Em preparação a essa nova fase, desde janeiro a empresa distribui aos clientes uma cartilha simplificada de como lavar o denim da Canatiba. “Nosso material é uma proposta para um novo método com melhor resultado que o tradicional”, explica Fábio Covolan. Um dos pontos básicos enfatizados pelo fabricante é de que os tecidos da empresa não precisam ser desengomados. Dividiu o trabalho em lavanderia em processos manuais (a seco) e processos úmidos.



Pelo método proposto pelo fabricante, trabalhos como marcação a laser, lixa (inclusive com manequim inflado), used e puídos deveriam ser executados com a peça em tecido cru para só depois ser enviada para passar pelos processos com água, como estonado com enzima, neutralização, limpeza, enxágüe, amaciamento e secagem por vapor.

Para mostrar a diferença, pegou duas calças confeccionadas com o denim Eliot, em 100% algodão. Uma foi processada com o método da Canatiba e a outra com o tradicional. Esse kit de comparação ficará com o representante comercial para destacar as diferenças entre as duas peças. A cartilha em papel será distribuída aos clientes. Também ficará disponível na área fechada do site da companhia, assim como receitas desenvolvidas pela empresa, que para o verão 2018 foram separadas em três temas: Snow White, In the Mix e Retrô Future.

Em evento realizado ontem, 14 de fevereiro, na capital paulista, a Canatiba anunciou o lançamento da cartilha de lavanderia e ressaltou o manual (já lançado) de como costurar denim elastizado que aborda as situações mais comuns, tendo sido desenvolvido pelo Senai com apoio da Canatiba e da Invista, e que vai preso à nota fiscal. Também aproveitou para destacar as confirmações verificadas no varejo internacional para o verão 2018 apresentadas pela consultora de moda Bia Aidar.

Segundo ela, o ponto mais forte a considerar na estação é o conceito de hibridismo no sentido de estabelecer contrastes, como misturar materiais rústicos com outros sofisticados na mesma composição. Trabalhar abordagens minimalistas com maximalismo; ou o vintage com o futurista.