Acesse o GBL Jeans

Esqueci minha senha

Cadastro

Seleção de Idioma

Terça-feira, 27 de Junho de 2017

Gestão

Ana Luiza Mahlmeister - 05/06/2017

Fakini licencia personagens da saga Star Wars

Coleção de alto verão da marca chega às lojas em julho com o relançamento da linha adulta masculina.

A Fakini Malhas acabou de licenciar da Disney os personagens da saga Star Wars. Com essa ação, o fabricante estréia a linha masculina adulta completando o lançamento do feminino, no ano passado. A empresa já havia trabalhado com linha masculina até 2014, mas interrompeu a produção para focar em outros públicos. “Nesse período nos preparamos para esse relançamento a partir da produção da moda feminina adulta, que começou no segundo semestre do ano passado”, diz o diretor comercial da empresa, Francis Fachini.



A linha com os personagens de Star Wars vai estampar camisetas de malha que chegam às lojas na segunda quinzena de julho, aparecendo também nas linhas kids e infantil, destinadas às vendas de Natal, em paralelo ao lançamento do Episódio 8 da saga, previsto para dezembro nos cinemas. “Esperamos boas vendas entre os fãs e aficcionados da saga de ficção científica que apaixona o mundo inteiro”, afirma Fachini.

A empresa já é licenciada da Disney para vários personagens, como Toy Story, Bambi, Margarida, Ursinho Pooh, Marie e Fadas Disney.

LINHA PARA HOMENS
A nova coleção masculina vem para dar mais opções ao lojista que já trabalha com a Fakini Kids e a Fakini Woman, afirma o diretor comercial. A marca é distribuída por 75 representantes que atendem 7 mil clientes cadastrados. Com a desaceleração da economia a partir do ano passado, a diretoria da empresa planejou novas fontes de receitas, oferecendo coleções para outros segmentos, diz Fachini.

Outra estratégia é manter as exportações para países como Paraguai, Bolívia, Uruguai e Costa Rica, e prospectar novos mercados em Estados Unidos, México, Europa e Oriente Médio. A empresa também está mapeando as cidades brasileiras onde não tem presença, para desenvolver ações comerciais nessas localidades, principalmente nas regiões norte e nordeste. Com esse objetivo, a Fakini inaugurou um portal próprio de comércio eletrônico, apesar de continuar participando de marketplaces como a Dafiti, Posthaus e Netshoes, entre outros.

VERTICALIZAÇÃO
A fábrica de Pomerode (SC) mantém a produção de 1 milhão de peças mensais, empregando 550 funcionários, além de 400 pessoas em outras quatro unidades próprias de costura. Neste mês de junho entra em operação uma nova máquina de estamparia rotativa, adquirida no final do ano passado, seguindo a estratégia de verticalização total da companhia, ressalta Fachini.