Acesse o GBL Jeans

Esqueci minha senha

Cadastro

Seleção de Idioma

Terça-feira, 22 de Agosto de 2017

Produção Limpa

Redação - 10/07/2017

Projeto une ABVtex, Abit e OIT

Iniciativa prevê adoção de medidas para alcançar produção sustentável em toda a cadeia da moda, começando por oficina de planejamento.

Até maio de 2018, o setor de moda estabeleceu o desafio de organizar ações que levem à produção sustentável em toda a cadeia, da fiação ao varejo. O projeto uniu a ABVtex (Associação Brasileira do varejo Têxtil) e a Abit (Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção), com participação da OIT (Organização Internacional do Trabalho). O investimento inicial é de R$ 1,3 milhão, financiado pelo Instituto C&A. Mas, de acordo com a ABVtex, a expectativa é captar mais recursos para comunicação e difundir o impacto do projeto.

Serão duas fases. Uma destinada à Construção de Cenários já teve início com a realização da primeira oficina, de 20 a 22 de junho, em São Paulo, para planejar cenários transformadores. Ao todo serão cinco encontros que debaterão o futuro do setor, todos na capital paulista. A outra fase foi chamada de Laboratório Social, com três oficinas de dois dias cada uma e a missão de estabelecer protótipos de iniciativa multidisciplinares que levem inovação ao setor do vestuário.



Participam dessas reuniões 35 líderes, selecionados de uma lista de 251 nomes, entre indivíduos e organizações do setor, a partir de critérios como legitimidade, representatividade, gênero, poder de influência, tomada de decisão, experiência, capacidade de diálogo e abertura para transformação, cita comunicado conjunto de ABVtex, Abit e OIT.

A perspectiva de resultados envolve “melhores condições de vida e trabalho no setor, com destaque às questões de gênero; maior diversificação e inovação industrial e de serviços; uso efeiciente de recursos setoriais e processos produtivos com baixo impacto ambiental; políticas públicas favorecendo o desenvolvimento sustentável do setor”, diz o comunicado.