Acesse o GBL Jeans

Esqueci minha senha

Cadastro

Selecionar de Idioma

Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Comunidade iLtda

Redação - 22/11/2017

Highstil adere a campanhas em novembro

Marca que investiu R$ 15 milhões na construção de mais uma fábrica, doará uma parte das vendas para o hospital do câncer de Barretos e mais recentemente aderiu ao movimento Sou de Algodão

Caminhando para os 50 anos, que completará em 2019, a Highstil assume um lado mais expansivo. Junto com o anúncio da adesão à campanha de combate ao câncer de próstata e ao movimento Sou de Algodão, a marca de moda masculina informa que no primeiro semestre colocou em operação mais uma fábrica de confecção, no interior de São Paulo, para a qual destinou R$ 15 milhões em investimento, declara Ron Horovitz, diretor da empresa. A outra confecção fica na capital paulista e continuará funcionando.



O empresário só não conta para quanto aumentou a capacidade instalada. Diz que é suficiente para atender 24 lojas e cerca de 2 mil pontos de venda multimarcas em todo o Brasil. A Highstil pertence a uma empresa totalmente verticalizada. Desde o algodão que cultiva em fazenda localizada no município de Luis Eduardo Magalhães, na Bahia, passando pela fiação instalada em fábrica de João Pessoa, na Paraíba, chegando à tecelagem em Osasco, na Grande São Paulo, e à tinturaria, em Itatiba, no interior paulista.

Além das duas plantas de confecção, a empresa mantém o braço de varejo, que inclui franquias.

PARTICIPAÇÃO NO NOVEMBRO AZUL
Embora tenha realizado uma série de ações de responsabilidade social ao longo de sua história, é a primeira vez que a Highstil se envolve em campanha para arrecadar recursos ao hospital do câncer de Barretos, cidade do interior de São Paulo. Até o final do mês, vai doar à instituição R$ 1 a cada peça vendida em sua rede de lojas, informa a empresa. A campanha também tem ainda caráter de conscientização dos homens sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata, que pode ser detectado em um simples exame de toque, mas, ainda cercado de preconceito.

USO DE ALGODÃO
Mais recentemente, a Highstil aderiu ao movimento Sou de Algodão, criado pela Abrapa (Associação Brasileira dos Produtores de Algodão) para aumentar o uso da fibra pela indústria têxtil do país, atraindo o consumidor. Segundo o movimento, a Highstil é a décima empresa a se engajar, estando junto com Martha Medeiros, Love Secret, Norfil (do mesmo grupo da Hihgstil), Cor com Amor, Estyllus, Mon Petit, Inbordal, Bordana e Toalhas Appel.

Para estimular o uso de roupas com alto teor de algodão na composição, as lojas da marca terão adesivos do movimento colados nas vitrines, além de displays dentro desses pontos de venda.