Acesse o GBL Jeans

Esqueci minha senha

Cadastro

Selecionar de Idioma

Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Espaço Talento

Redação - 04/12/2017

Senai Brasil Fashion faz desfile com vencedores

Alunos da instituição apresentaram coleções reaproveitando tecido do kitesurf, com renda feita em impressora 3D, tingimento com lama de Mariana, roupa que vira duas, entre outras experiências

Na semana passada, o Senai mostrou em desfile no Museu do Amanhã, na cidade do Rio de Janeiro, o resultado de três meses de trabalho realizado por 12 duplas constituídas por alunos de diversas unidades da instituição. Cada dupla, formada por um estilista e um modelista, apresentou coleção com três modelos cada uma, desenvolvidos sob o tema ‘Moda é Futuro. Futuro é Moda’. Para a criação, alguns estudantes resolveram fazer experimentações.

A dupla de Goiânia elaborou um vestido de linhas futuristas feito de renda branca produzida em impressora 3D, com filaflex, material semelhante ao silicone. Segundo o Senai, o vestido levou 250 horas para ser impresso. Os outros dois looks da coleção, um conjunto de saia e top, além de vestido, foram confeccionados em couro cortado a laser com modelagem de encaixe para evitar costura.

De Colatina, cidade do Espírito Santo, veio a ideia de fazer escamas de organza tingidas com lama do rio Doce, que escorreu desde Mariana (MG), com o rompimento da barragem do Fundão, da companhia Samarco, que provocou um grave desastre ambiental. Antes de ser aplicada, o Senai explica que a lama foi tratada no laboratório de materiais de construção do IFES de Colatina. As escamas de organza foram coladas uma a uma e combinadas com paetês.

Aproveitando a onda da prática de kitesurfe pelas praias do estado, os alunos do Ceará colheram o material multicolorido das pipas (espécie de parapente), que foi usado para compor roupas de cortes amplos e pegada esportiva. Outra dupla do Espírito Santo, da unidade de Vitória, recorreu a tecido de estofamento recoberto com impressão de tinta plástica, para criar textura e confeccionou casacos bem pesados.

Uma das duas duplas da Paraíba selecionadas para o Brasil Fashion trabalhou fios de algodão colorido, cultivado na região, que foram encerados e colados um a um para compor macacão, calça e maiô com textura de capitonê. De acordo com informações divulgadas pelo Senai, só a saia pesa em torno de dez quilos.

Funcionalidade foi a inspiração da dupla paulista que criou coleção com vestido que vira saia, a saia que vira bermuda e calça que vira bermuda.

QUARTA EDIÇÃO DO CONCURSO ANUAL
Em 2017, o Senai Brasil Fashion promoveu a quarta edição do concurso para a qual se inscreveram 300 alunos, diz a instituição que mantém escolas em 16 estados. Puderam participar estudantes de cursos de longa duração nas áreas de Moda, Vestuário e afins. Eles tiveram que formar duplas entre um aluno de Estilismo ou Design de Moda e um aluno de Modelagem do Vestuário.

Foram aprovadas 12 duplas, de dez estados, que desenvolveram as minicoleções sob a orientação de estilistas renomados. Alexandre Herchcovitch trabalhou com os alunos de Criciúma (SC), São Paulo (SP) e Natal (RN); Lenny Niemeyer orientou as duplas de Curitiba (PR), Rio de Janeiro (RJ) e Campina Grande (PB); Lino Villaventura ficou com os estudantes de Belo Horizonte (MG), Vitória (ES) e João Pessoa (PB); Ronaldo Fraga coordenou as duplas de Colatina (ES), Goiânia (GO) e Fortaleza (CE). Para apresentar as criações, desfilaram tops internacionais, como Carol Trentini, Renata Kuerten e Isabelli Fontana.

DUPLAS E COLEÇÕES
.: Agda Manenti e Letícia Alves, de Criciúma | Coleção Josephine Baker
.: Tarcila Almeida e Joice Parra, de São Paulo | Coleção 360 graus
.: Dinedso Fonseca e Vanessa Batista, de Natal | Coleção Você Não Existe
.: Isabelle Krauze e José Pedro Legnani, de Curitiba | Coleção Você se lembra daquele verão?
.: Juliana Cavalcanti e Raíssa Campos, do Rio de Janeiro | Coleção Previsões
.: Virna Dantas e Alanne de Oliveira, de Campina Grande | Coleção Muda Minimal
.: Hellen Formaggini e Simone Teixeira, de Belo Horizonte | Coleção Selo
.: Ruan Rodrigues e João Victor Alves, de Vitória | Coleção Realces Sensoriais
.: Carina Vilar e Grayce Farias, João Pessoa | Coleção A Comade
.: Amanda Claudino e Niceia Nascimento, de Colatina | Coleção: Cor de Lama
.: Paloma Gomes e Fernanda Marin, de Goiânia | Coleção Interlace
.: Daiane Rocha e Paulo Ferreira, de Fortaleza | Coleção MoviVento

GALERIA DE FOTOS

Ampliar
  • Foto 1
  • Foto 2
  • Foto 3
  • Foto 4
  • Foto 5
  • Foto 6
  • Foto 7
  • Foto 8
  • Foto 9
  • Foto 10
  • Foto 11
  • Foto 12