Acesse o GBL Jeans

Esqueci minha senha

Cadastro

Selecionar de Idioma

Quarta-feira, 17 de Janeiro de 2018

Varejo

Redação - 20/12/2017

Marisa vai dividir loja em setores

Varejista de moda testa pilotos que organizam as unidades em oito áreas diferentes, com uma dedicada ao jeans

Neste último trimestre do ano, a Marisa vem testando um novo modelo de loja dentro do projeto que batizou de M2020. A varejista de moda decidiu setorizar a área de venda dentro das lojas em oito categorias, tratadas como se fossem marcas independentes dentro do mesmo ponto de venda. Começou pela seção Marisa Lingerie, implementada em 19 lojas TOP. Na segunda fase, o piloto será estendido a 15 lojas para incluir as seções Marisa Jeans e Marisa Movimento (de moda fitness), informou a empresa durante a apresentação de final de ano para investidores e analistas de mercado.



A setorização incluirá a Marisa + Plus, para tamanhos grandes; a Marisa Essencial, para os itens básicos; a Marisa Atitude, de moda jovem; e a Marisa MR, de moda masculina. A implantação em toda a rede está prevista para ser realizada entre 2018 e 2020, estima a empresa. A disposição das coleções seguirá ainda três ocasiões de uso: dia a dia; para sair; e trabalho. Apenas Jeans e Essencial não seguirão essa divisão. A Marisa Lingerie terá sub-setores: dia a dia; essencial; renda; noite; e funcional.

A expectativa é os fornecedores também serem separados por especialidades. Outro plano contempla o comércio eletrônico, com a análise de a Marisa montar seu próprio marketplace de modo a comercializar produtos de marcas de terceiros, estratégia que tem sido adotada por grandes varejistas como Magazine Luiza.