Acesse o GBL Jeans

Esqueci minha senha

Cadastro

Selecionar de Idioma

Domingo, 15 de Julho de 2018

Gestão

Ana Luiza Mahlmeister - 20/02/2018

Lavinorte mantém foco em pequenos volumes

Lavanderia de Cianorte, no Paraná, montou um setor de estamparia de jeans e adquiriu novas máquinas para fazer cerzidos

Após reestruturação no ano passado, a lavanderia paranaense Lavinorte mantém o foco no processamento de pequenos volumes para grandes marcas de moda que operam no Brasil. Nesse período, reforçou a vocação de personalização de peças e trabalho artesanal, priorizando a qualidade. A empresa, que já chegou a processar 450 mil peças por mês, reduziu a 350 mil com foco na customização, medida que garantiu que o faturamento de 2017 igualasse o do ano anterior, mesmo com a queda de volume, afirma o sócio da Lavinorte, Ivonildo Silva.

Para agregar valor às peças, a empresa instalou três equipamentos para fazer cerzidos e zigue zague, e montou um setor de estamparia de jeans, adaptando uma máquina de carimbo têxtil, permitindo realizar o trabalho em toda a peça e não apenas no cós.

O meio ambiente é outra prioridade na Lavinorte, com o reuso de 70% da água, informa Silva. Uma fazenda própria de 80 alqueires de eucalipto de reflorestamento fornece a madeira usada nas caldeiras da lavanderia. Ao longo de 2017, a empresa também investiu na compra de cinco máquinas de marcação a laser e três de ozônio que permitiram diminuir a adição de produtos químicos em diversos processos. Além de atender as marcas dos grupos Inbrands e Restoque, a Lavinorte tem uma operação de PL (private label) com produção de peças prontas para diversas grifes.

GALERIA DE FOTOS

 

Ampliar
  • Foto 1
  • Foto 2
  • Foto 3
  • Foto 4
  • Foto 5
  • Foto 6