Acesse o GBL Jeans

Esqueci minha senha

Cadastro

Selecionar de Idioma

Sexta-feira, 19 de Outubro de 2018

Economia

Jussara Maturo - 09/04/2018

Importações acendem sinal amarelo no setor

Em março, as compras de roupas vindas do exterior cresceram sobre uma base mais forte que em meses anteriores

Estimuladas pelo câmbio considerado favorável para as importações, as empresas brasileiras continuaram a aumentar as compras no exterior, especialmente de roupas. Em março, as importações subiram para US$ 565,84 milhões, dos quais US$ 230 milhões correspondem a peças de vestuário, praticamente 70% vindos da China. Sobre fevereiro, o aumento das compras gerais cresceu em torno de 11%. Em roupas, o avanço foi bem maior, subindo 25%, mostra o sistema de acompanhamento da balança comercial brasileira operado pelo ministério da Indústria Comércio Exterior e Serviços.

As exportações pararam de cair, registrando em março ligeiro aumento de 2,75%, para US$ 170,76 milhões. Em março, os principais destinos de itens têxteis brasileiros foram pela ordem a Indonésia (US$ 23,73 milhões), seguida de perto pela Argentina (US$ 23,61 milhões) e o Vietnã (US$ 14,6 milhões). As roupas contribuíram com US$ 13,35 milhões do total, sendo o Paraguai o principal destino em março respondendo por US$ 4,75 milhões, quase quatro vezes mais o embarcado em fevereiro. O Uruguai vem se destacando, responsável por US$ 2,32 milhões, aumento de cerca de 7% sobre o embarque de fevereiro.

O déficit do setor piorou ainda mais em março, fechando o mês com saldo negativo de US$ 395 milhões, aumento de quase 15% sobre fevereiro.