Acesse o GBL Jeans

Esqueci minha senha

Cadastro

Selecionar de Idioma

Domingo, 19 de Agosto de 2018

Lançamentos

Jussara Maturo - 09/08/2018

Canatiba lança linha de fios tintos em índigo

A novidade chega ao mercado em seis bases listradas, incluindo 100% algodão, com fios reciclados, e 100% liocel, que aceitam efeitos de lavanderia

Junto com o evento em que apresenta as direções do jeans para o inverno 2019, seleciondas pela consultora de moda Bia Aidar, a Canatiba Denim Industry anunciou um complemento da linha de produtos lançada em maio. Entre as principais novidades, o fabricante aponta a linha de fios tintos em índigo, para os quais usa tingimento ecológico, assim chamado por consumir 90% menos de água que nos processos convencionais. São seis bases listradas, e leves, cuja produção emprega fibras recicladas, como o tecido Brutus, em 100% algodão (5oz); o Riad Stripe e o Riad Line, ambos em 100% liocel (6oz).

Como são tintos em índigo, aceitam efeitos de lavanderia, diz Ivna Barreto, gerente de marketing da Canatiba. Ela cita ainda o lançamento de construções maquinetadas e os urdumes ringados como informação de moda a apoiar as coleções do próximo inverno. Listras sobre PT e estampas sobre denim leve, além do reforço da linha colors e artigos mais pesados como o Porreta Denim (11,5oz), completam essa rodada de lançamentos, mostrados em evento que começou na capital paulista e deverá seguir para outras regiões do país.

Sobre as direções de moda, Bia Aidar fez um apanhado de três semanas percorrendo o varejo internacional. Dessa imersão, ela destaca que “chama a atenção a quantidade de bases 100% algodão nas lojas”. Mas, como o Brasil resiste a seguir por essa direção, ela aconselha as marcas escolherem tecidos com cara de puro algodão mas tendo elastano apenas de conforto. Para o feminino, ganham espaço as calças cropped wide. Sobre o preview de maio, Bia fez uma revisão, indicando que os vestidos apareceram menos no varejo que o esperado, assim como as saias midi. As minissaias em corte A se fortalecem para o público jovem, mas, assumindo a assimetria de barra já bastante incorporada nas calças. E as cinturas das calças não baixaram, permanecem altas, avisa a consultora.

GALERIA DE FOTOS

Ampliar
  • Foto 1
  • Foto 2
  • Foto 3
  • Foto 4
  • Foto 5
  • Foto 6
  • Foto 7
  • Foto 8
  • Foto 9
  • Foto 10
  • Foto 11
  • Foto 12
  • Foto 13
  • Foto 14
  • Foto 15
  • Foto 16
  • Foto 17
  • Foto 18
  • Foto 19
  • Foto 20
  • Foto 21
  • Foto 22
  • Foto 23
  • Foto 24
  • Foto 25